Promoção – A Riqueza do Mundo

PROMOÇÃO enquanto durar o estoque!!!

Corra e aproveite suas férias lendo o livro A Riqueza do Mundo

de R$ 49,90
por R$ 35,00 à vista  
ou em 2XR$ 20,00 no cartão

Sinopse: “E quando tudo me aborrecer de verdade, quando eu ficar cansada de minhas neuroses e manias, quando as pessoas estiverem demais distraídas, a paisagem perder a graça, a mediocridade instalar seu reinado e anunciarem o coroamento da burrice — vou espiar o letreiro que fala de uma riqueza disponível para qualquer um, e que botei como descanso de tela no meu eternamente ligado computador:Escute a canção da vida.” Com uma trajetória literária de 30 anos e um repertório de mais de 20 livros publicados, a romancista, poeta, cronista, tradutora e ensaísta Lya Luft firmou-se como um dos maiores fenômenos editoriais do Brasil nos últimos anos, com mais de 1,2 milhão de exemplares vendidos no país. Com milhares de leitores conquistados por sua belíssima ficção, Lya retorna ao gênero que a consagrou definitivamente em 2003, com o surpreendente livro de ensaios Perdas & ganhos, um sucesso gigantesco de público que teve direitos vendidos para diversos países e permaneceu por 113 semanas no topo das listas dos mais vendidos. Assim como em Múltipla escolha, que também alcançou rapidamente o primeiro lugar nas listas de mais vendidos em 2009, neste novo A RIQUEZA DO MUNDO a autora apresenta uma coletânea de ensaios breves como crônicas ou artigos, na maioria inéditos ou reescritos, em que se dirige ao leitor de maneira mais direta e coloquial do que em seus romances ou contos. A RIQUEZA DO MUNDO é um livro a um tempo áspero e poético, sempre questionador — do jeito da autora. Como lhe é de costume, ela aborda o drama existencial humano, nossas comuns perplexidades, educação, família, autoridade, moralidade versus moralismo, e alguns dos problemas mais pungentes da nossa sociedade, como guerras, miséria, política e outros. Fala também de como vemos, usamos ou criamos a riqueza do mundo, seja natural, intelectual ou artística, afetiva, econômica. Do que conquistamos ou nos é concedido: os delírios da arte, as aventuras da ciência, os campos lavrados, os mares e céus que sondamos. Mas fala também do que desperdiçamos ou matamos, da pobreza advinda do desinteresse, da dor nascida da traição, das crenças que se digladiam. “Escrevo sobre o que não sei direito”, ela costuma dizer, “escrevo para entender melhor e para dividir meus assombramentos com meu leitor.” A RIQUEZA DO MUNDO é uma espécie de “livro das indagações”, com críticas, dúvidas, momentos de fria lucidez e outros de grande delicadeza. Que nos trazem, cara a cara, alguns de nossos fantasmas, para que, se pronunciarmos o seu nome, eles se tornem menos assustadores.