Crise do capital e fundo público: implicações para o trabalho, os direitos e a política social

Em tempos sombrios de profunda regressão nas conquistas civilizatórias e de expansão da barbárie, este livro traz luz à explicação histórica do presente, desmontando brumas e fetiches que encobrem as relações sociais. Esta coletânea reúne eixos temáticos tratados sob a ótica da totalidade histórica com lentes extraídas da crítica da economia política. Consideram-se as repercussões do destino impresso ao fundo público nas condições materiais e subjetivas de vida e de trabalho da classe trabalhadora em sua heterogeneidade. Este livro aborda a indissociabilidade das relações de classe, sexo e raça a partir das interações recíprocas entre economia política e cultura. Esta provocativa e inovadora produção acadêmica é fruto do trabalho coletivo na universidade pública brasileira. A fecunda aliança entre produção crítica do conhecimento e resistência ao conservadorismo torna esta obra uma leitura indispensável, especialmente aos que almejam decifrar o presente no horizonte da construção de novos tempos para todos.

Cortez Editora
Organizador: Evilasio Salvador
Adaptação: Rita de Lourdes de Lima, Elaine Behring
Número de páginas: 368