NOSSAS REDES SOCIAIS

1494

R$49,90

Disponível

ISBN: 9788525053046 Ref 9788525053046 Categorias , Tags , ,

compartilhar

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on twitter
Share on google
Share on telegram

descrição

A história ensina que o descobrimento da América por Colombo, em 1492, troue à tona uma questão delicada. A epedição do navegador genovês havia sido financiada por dois diferentes patronos, com longo histórico de antipatia mútua: de um lado, o rei português Dom João II; de outro, os reis Fernando e Isabel de Castela e Aragão. Qual dos dois reinos teria primazia sobre os mares e terras recémdescobertos?
Em 1494 Como uma briga de família na Espanha Medieval dividiu o mundo ao meio, o autor canadense Stephen R. Bown conta as tramas paralelas que se enredaram para formar a grande história do Tratado de Tordesilhas, documento que dividiu o mundo ao meio e transformou os oceanos em campo de batalha entre várias nações europeias. Uma história em que o adrez político é jogado lance a lance por personagens movidos por poderosas motivações: da obstinada Isabel, tornada rainha graças a sua luta particular pelo direito de escolher o próprio marido, ao arrogante e ganancioso Colombo em sua busca pela glória nos mares. Sem deiar de mencionar o brilho intelectual de Hugo Grotius, teórico jurídico holandês que no século VII fiou a ideia de “Mare Libertum”, desencadeando um novo entendimento sobre a eploração dos oceanos, que resultaria na legislação marítima internacional atualmente em vigor.
Coube ao papa Aleandre VI – Rodrigo Bórgia, amigo do rei Fernando II de Aragão – resolver o impasse entre Espanha e Portugal ao emitir a bula papal Inter Caetera, que estabeleceu as bases para o Tratado de Tordesilhas, assinado em 1494. O decreto proclamava a criação de uma linha imaginária no Oceano Atlântico, de polo a polo do globo terrestre, repartindo todo o mundo conhecido (e também o desconhecido) entre os dois países.
Considerado um dos maiores acordos diplomáticos e políticos de todos os tempos, o tratado e suas consequências abriram caminho para o surgimento do conceito moderno de liberdade dos mares – o uso desimpedido das vias aquáticas do mundo para comércio e viagens. Recheado de informação histórica, 1494 mescla relatos de época com detalhes que contribuem para resgatar os ambientes da época. Mérito do escritor Stephen R. Bown, especializado em livros históricos, sobretudo enfocando grandes eploradores e história da ciência.

Informação adicional

Peso 0.458 kg
Dimensões 23 × 16 × 2 cm
Autor

Edição

Editora

,

Nr. de Páginas

Ano