NOSSAS REDES SOCIAIS

R$29,90 R$15,00

em até 3x de R$5,00 sem juros no cartão (ou em mais vezes com juros)

parcele em até 3x vezes sem juros no cartão de crédito

Valores de entrega diferenciados para Livros via Correios

compartilhar

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on twitter
Share on google
Share on telegram

descrição

Sempre tive a impressão de que tudo que sabemos hoje teve origem na Grécia, em uma época em que os deuses personificavam os defeitos e as virtudes humanas. E não é de estranhar que isso tenha me causado um certo fascínio: eram os deuses astronautas?Ou apenas um povo vindo de uma ilha distante? Como vivem os gregos da atualidade (em meio à crise, sem bacanais e intervenção divina)? Esse fascínio me levou a Atenas seis vezes e, na última delas, resolvi me comportar como um cidadão local. É claro que visitei lugares turísticos – afinal, como resistir? –, mas fui além. Descobri pequenos recantos, que pouco significam para aqueles que estão de passagem, mas que transmitem a alma da cidade e de seus moradores. O Mercado Público e as pequenas tavernas onde os atenienses comem, bebem, cantam e dançam, por exemplo, são verdadeiras instituições nacionais. Gosto de imaginar que existam cidades, assim como algumas pessoas, que são únicas. E Atenas, para mim, é uma delas. A capital é uma mistura de aromas, ruídos e visões que fazem bem para os sentidos. É uma pólis incomparável. Eu, que fui à Grécia em busca da mitologia, da filosofia e da democracia – os três pilares da cultura ocidental –, encontrei um povo descrente, desorientado. A Grécia, que moldou o mundo, agora não consegue moldar-se a si própria. Atenas é um retrato em cores berrantes da confusão em que se meteu o mundo contemporâneo.

Informação adicional

Peso 0.26 kg
Dimensões 21 × 14 × 1 cm
Autor

Editora

Nr. de Páqginas

Ano

Edição